Deoxipiridinolina

12 mar 2012 D, Exames

Comentários

A deoxipiridinolina e a piridinolina constituem as ligações cruzadas da estrutura helicoidal do colágeno tipo I. A quantidade de piridinolina e deoxipiridinolina urinárias refletem a reabsorção óssea (atividade osteoclástica) sendo xcretadas na razão 3:1 (deoxipiridinolina/piridinolina). A deoxipiridinolina é mais sensível que a piridinolina, não sendo influenciada pela dieta. Considerando que a excreção desses marcadores é maior à noite, e que variações de até 20% podem ocorrer durante o dia, deve-se preferir a coleta de 24 horas. Para monitorização da resposta terapêutica, esses marcadores permitem detecção de alterações de forma mais rápida que a densitometria óssea (2 a 10 semanas). Níveis elevados são encontrados na osteoporose, Doença de Paget, metástases ósseas, hiperparatireoidismo e hipertireoidismo. Hipotireoismo pode diminuir níveis excretados.

Veja também Piridinolina.

Método

Cromatografia Líquida de Alta Performance – HPLC

Condição

10mL de urina (urina 2h – 12h – 24h).

Usar HCL 50% 20 mL/L de urina (adulto) ou 10mL/L de urina (criança).

Refrigerar e proteger da luz (frasco âmbar).

Deixe um comentário

Search

+